Subscribe Now
Trending News
Sexworkers

Miuau: “Trabalhar com isso ajudou no amor-próprio”

Miuau

Miuau é amor-próprio sob uma forma intensa e significativa, sendo assim ela reflete simpatia, fantasia e equilíbrio em conteúdos que beiram a aceitação do ser de maneira natural e formosa, seu prazer está nos detalhes, aqueles que não precisam ser vistos, mas sentidos na finura da alma.

Batemos um papo profundo sobre como ser sexworker transformou seu olhar para a descoberta do glamoroso eu interior.

Miuau

Miuau

Para começar a nossa conversa, conte-me como surgiu a ideia de trabalhar com conteúdo adulto e quais foram os caminhos que te levaram até onde está?

Eu comecei como camgirl no site Camera Prive porque na época não estava ganhando o suficiente e queria alternativas diferentes para conseguir isso.

Depois de um tempo lá, resolvi criar um Twitter para interagir mais com os clientes e poder anunciar quando estava online, mas acabei descobrindo que podia vender por lá também. Para mim está sendo muito mais vantajoso do que quando trabalhava com a cam. 

Há quanto tempo você trabalha com conteúdo adulto?

Entre o site de camgirl e Twitter tem dois anos. 

Miuau
Miuau

O que mudou na sua vida desde que assumiu esse trabalho?

Várias coisas mudaram e a maioria delas para a melhor. Mas o que me deixa mais feliz é o fato de ser minha própria chefe e não precisar ficar me submetendo a situações que ocorreriam no mercado de trabalho ‘normal’.

Sem contar que posso folgar quando quiser, assim como trabalhar. Claro, às vezes é bem mais difícil do que se fosse de carteira assinada, mas compensa e como gosto do que faço não pretendo voltar a ser ‘empregada’ de ninguém. 

Sobre criação e publicação de conteúdos nas plataformas. Como é o seu processo criativo para bolar os seus conteúdos? Você se inspira em alguém, pesquisa algum tema ou recebe sugestões dos seus seguidores?

Essa é a parte mais complicada para mim porque na minha cabeça eu elaboro uma ideia bacana só que acaba não saindo como queria ou acabo não conseguindo fazer. Mas gosto do nude artístico, da sensualidade sem necessariamente precisar estar nua para ser sexy e sempre busco fazer meus conteúdos dessa forma. Não tenho uma pessoa em si como inspiração, busco ideias em qualquer lugar que vou e em qualquer situação. E sugestões, seja de clientes ou não, sempre aceito! 

Miuau
Miuau

Trabalhar com conteúdo adulto mexe com você? Que tipo de sensação esse trabalho provoca na sua essência como pessoa?

Com certeza mexe e quem disser o contrário estará mentindo kkkkkkkk. Pelo fato de eu ser uma mulher gorda, sempre existiu e sempre vai existir preconceito simplesmente pelo peso que tenho e trabalhar com isso ajudou muito na minha autoestima e, principalmente, no amor-próprio. A meu ver, não posso ‘vender o meu corpo’ sem amá-lo primeiro, afinal, se eu não o amar, então quem vai? 

Em sua concepção, o que é ser sensual? Como que você lida com a sua sensualidade?

Eu, Miuau, acho o simplesmente ato de respirar algo sensual, o fato de eu ser eu mesma, sabe? Afinal, sou única, não existe ninguém como eu por aí, então o que pode ser mais sensual do que existir (hahahahhaha).

A minha sensualidade é muito ambígua porque não é só o fato de estar nua que deixa isso transparecer, então sempre faço conteúdos que, antes de mais nada, me agradem, que fazem eu me sentir sensual e que, claro, transpareçam isso pra quem ver. 

Miuau
Miuau

Qual é a razão dos seus suspiros?

Hummm, suspiros bons ou ruins? Se forem bons, é quando ganho dinheiro por entregar algo de qualidade. Agora ruim……. Falta de educação por mim e meu trabalho e quando fico dias sem vender. 

O que te deixa mais ligada, erotismo ou pornografia e por quê?

Com certeza erotismo. Para mim é muito mais excitante, por exemplo, ver um homem sem camisa sorrindo ou deitado na cama, do que o ato do sexo em si. A ironia de ser sw é que o sexo é o de menos para mim, gosto de tudo que a vida pode oferecer, além disso a pornografia me soa falsa, sem emoção, apenas atuação. 

Miuau
Miuau

Dentro da produção de conteúdo adulto, você procura se mostrar de uma maneira mais artística, ou segue uma forma mais espontânea, deixando fluir naturalmente?

Os dois e quando consigo juntar as duas formas é aí que sai o conteúdo perfeito. 

Ser exibicionista pode ser considerado uma forma de expressão artística?

Com certeza! É o meu caso e adoro fazer conteúdo assim. 

Família, amizades e relacionamentos amorosos, como que é a relação deles com o seu trabalho?

Meus pais não sabem que faço isso, mas o meu namorado que é a pessoa que mora comigo sabe sobre e não vê problema nenhum nisso. Meus amigos mais próximos também sabem e tratam com a maior naturalidade, afinal não precisa ser de outra forma, né? 

O que as pessoas irão ver acessando os seus conteúdos?

Exibicionismo, nudez artística, conteúdos diferenciados e de qualidade. E claro, vão ME ver que é o melhor de tudo isso. 

Já sofreu algum tipo de preconceito por conta de trabalhar com conteúdo adulto? Você acha que nos dias de hoje as pessoas já entendem melhor e aceitam o(a) profissional que segue esta profissão?

Já! É difícil encontrar alguém que não tenha. Acredito que não é nem o fato de ser conteúdo adulto, é o fato de a mulher estar fazendo isso por escolha própria, por gostar e o principal, por querer.

A sociedade não julga a venda, julga a mulher. A sexualidade da mulher não é dela, as pessoas ainda acham que nós não podemos gostar de sexo, não podemos ser sensuais por gostar de ser, então acredito sim que não é trabalhar com conteúdo adulto, é o fato de eu como mulher gostar tanto de mim mesma, do meu corpo e da minha sensualidade/sexualidade a ponto de ‘vender o meu corpo’ por escolha própria. 

Você acredita que em pleno século XXI, com a expansão da comunicação, redes sociais e as plataformas de relacionamento, falar de sexo e expressar a sexualidade ainda é um tabu na cabeça do brasileiro?

É como disse na pergunta anterior. A sociedade ainda acha tabu falar sobre menstruação, imagina sobre isso! 

Miuau

Trabalhar e lidar com as pessoas não é tarefa fácil em nenhuma profissão. Você geralmente tem jogo de cintura para lidar com gente “desagradável”? Qual o tipo de atitude que você toma quando uma pessoa está começando a se tornar inconveniente?

Vou ser honesta, não tenho paciência com gente que vem encher a paciência na dm, principalmente quando tudo que precisam saber está no fixado/bio e, mesmo assim, me manda mensagem querendo justamente o oposto daquilo. O meu modo de lidar com isso é na base do block, hahahaha. 

Faltou com educação? Block. Quer ficar insistindo em algo que já disse não fazer? Block. Mandou foto do p@u? Block…. E vida que segue. 

Ligando a pergunta anterior, o contato e a exposição pessoal podem se tornar cansativos? Como que você lida com o estresse e a ansiedade? Faz algum tipo de terapia ou alguma outra atividade para relaxar?

Com certeza é cansativo e estressante lidar com o público que consome ou não o conteúdo adulto. Tem que ter muita paciência para lidar com esse meio. Não faço terapia em si, mas sempre tenho pessoas para me ouvir quando preciso. E acho super necessário tirar um tempo para si próprio e fazer algo de que goste. Eu, por exemplo, fui acampar dia 31 de dezembro e fiquei três dias sem celular, Twitter ou internet e foi muito bom, ajudou demais a acalmar a minha mente. 

Você enfrenta ou já enfrentou dilemas na sua vida? Se já enfrentou ou enfrenta, como é que você lida com isso?

Dilemas a gente sempre vai enfrentar, então tem que pensar com calma antes de agir. Às vezes, eu surto um pouco (kkkkk), mas sempre tento resolver usando a lógica do que a emoção. 

Qual é sua ligação com seus seguidores? Eles são atenciosos?

São necessários para meu crescimento e é graças a eles que cheguei onde estou. Claro, com certeza absoluta têm muita gente que me segue pelo conteúdo gratuito, mas é quem me ajuda com o engajamento, quem curte o que posto é que faz valer a pena meu tempo ali. O que me move são os compradores, mas sempre tento manter um bom relacionamento com o pessoal, seja sw e comprador ou não. 

Miuau

O que você não tolera presenciar trabalhando nesse meio?

Falta de respeito por mim e pelo meu trabalho, assédio, preconceito e ódio. Não tem nada que me deixa mais irritada do que o cara se achar no direito de me mandar foto não solicitada ou que insiste em algo que já neguei fazer. 

Existem pessoas que te inspiram para você fazer o seu trabalho?

O que me inspira é o quanto que algumas sws ganham e é isso que me motiva a entregar um conteúdo de qualidade para um dia isso também acontecer comigo. 

Você consegue ter um momento que é só seu? O que gosta de fazer nas horas vagas?

Às vezes não consigo, mas sempre tento! Gosto de ler, ouvir música, assistir séries, passar um tempo com meus gatos ou passeando. 

 Uma música que transpira tesão em sua vida?

Touch&Sketch – Leo 

Miuau
Miuau

Para as pessoas que desejam iniciar na produção de conteúdo adulto, há alguma dica que você gostaria de compartilhar com eles(as)?

Não deixe NINGUÉM colocar preço no teu corpo, imponha a própria vontade acima de qualquer um, porque no final quem vai ter que lidar com as tuas ações é tu mesmo. 

Chegou a hora! Abra seu coração e deixe um recado para nossos leitores e seus fãs.

Me senti muito famosa participando disso aqui! Mas falando sério, quero que 2022 seja um ano de muitas vendas e muitas conquistas então vou trabalhar duro para entregar um conteúdo com ainda mais qualidade. Agradeço a todos que me ajudaram a chegar aonde estou e aos que ainda continuarão me ajudando a crescer cada vez mais. 

Depois de ler essa entrevista completa, compartilhem com os amigos, me sigam no Twitter e, claro, comprem comigo!!!

Gostou do post? Conte nos comentários o que você deseja ver no Suspiro e não se esqueça de nos seguir nas redes sociais: 

Deixe seu comentário

Posts relacionados