Subscribe Now
Trending News
Sexworkers

Doce Suicide: “Precisa ser envolvente e contar uma história”

Doce Suicide
Doce Suicide

Doce Suicide é única, poderosa e cheia de sintonia em todas suas ações. Seus conteúdos são pensados na forma livre do seu ser, ela apenas deixa fluir os momentos que a conectam ao momento presente. 

Batemos um papo gostoso e doce, da maneira como a vida de ser leve para as sexworkers que encantam nossas vidas.

Doce Suicide

Doce Suicide

Para começar nosso bate-papo, conte-me como surgiu a ideia de trabalhar com conteúdo adulto e quais foram os caminhos percorridos até o momento? 

Eu sempre gostei muito de fazer fotos sensuais, fazia com o meu celular e nem compartilhava na internet ainda. Uma vez decidi fazer isso e gostei muito!  Foi legal compartilhar um pedaço pequeno da minha vida e intimidade com quem me seguia no Instagram. 

Em 2015 eu entrei para o site Suicide Girls, um site de modelos alternativas. E para mim tudo começou ali, mesmo que na época eu não visse isso. 

A minha entrada no Suicide Girls foi totalmente despretensiosa. Eu nem sabia que era possível fazer algum dinheiro no site.  Eu estava ali pelo estilo de vida e me identificava com as pessoas que estavam lá dentro. Isso foi o que de fato me atraiu para esse lifestyle.

Depois que meu primeiro ensaio foi publicado no Suicide Girls, comecei a receber convites e propostas de trabalho. E pensei, o que? Isso é possível? Bom, vamos lá! E nunca mais parei desde então. 

Posei para várias marcas nacionais e internacionais; Tive ensaios publicados nos maiores sites brasileiros, e até na Playboy estive. 

No começo eu não imaginava que as pessoas pagariam tão bem pelas minhas fotos, quando descobrir isso, melhorei ainda mais meu conteúdo e sigo compartilhando ele até hoje no meu Onlyfans (https://onlyfans.com/docesuicidegirl) e (https://onlyfans.com/docefree). Inclusive, me sigam lá. Juro que vale a pena! 

O que mudou na sua vida desde que assumiu esse trabalho? 

Absolutamente tudo! Tudinho mesmo! Meus relacionamentos, minha postura em relação a várias coisas, o modo como me vejo hoje, a minha sensualidade e sexualidade. Empatia e respeito por outras pessoas e estilos de vida; Nasci de novo. 

Doce Suicide

Como as ideias surgem na sua mente para criar seus conteúdos? 

Minhas ideias para ensaios sempre partem do dia a dia. Eu fico muito tempo em casa, trabalho em home office e não existe lugar melhor no mundo para mim!

Então por mais que eu ache extremamente sexy um látex e ame um salto 20, não é como estou vestida 90% do tempo. Normalmente estou descalça, de calcinha e camisetão. Ou qualquer coisa que me deixe totalmente a vontade. 

Por isso quando faço minhas fotos, normalmente está relacionado a isso. Fotos no banho, de pijama, lingerie, com comida, no escritório. Enfim, no meu Onlyfans vocês podem ver muito mais disso…

 O que é sensualidade para você?

Um estado de espírito. Para mim a sensualidade é muito mais como você se vê e de como se sente do que qualquer outra coisa. Eu levo isso tão a sério, que se eu não estou me sentindo verdadeiramente sensual num dia, não faço fotos. 

Para mim não é apenas fazer fotos com o meu celular ou ser fotografada. Eu realmente me envolvo com isso. Imagino que tem alguém ali me observando, e que não pode tocar em mim.

A sensualidade é isso, precisa ser envolvente, contar uma história.  Mas em esforço, sem precisar dizer nada. Ela simplesmente se mostra. 

Doce Suicide

O que lhe faz suspirar? 

Música, massagem nos meus pezinhos e chocolates. 

O que desperta mais provocações em você, erotismo ou pornografia? 

Erotismo sem dúvidas! Embora eu produza conteúdo +18, não consumo pornografia. Nunca gostei muito, sempre tive a sensação de que a mulher está sofrendo. Sei que nem todos os casos é assim, mas desde a primeira vez que vi um filme pornô tive essa sensação.

Já o erotismo desperta minha curiosidade, me sinto muito mais envolvida e interessada

Doce Suicide
Doce Suicide

Ser exibicionista e produzir conteúdo adulto pode ser considerado uma forma de arte para você? 

Sem dúvidas! Eu sou exibicionista e sou uma artista. Fazer conteúdo adulto, mostrar sua sensualidade através de fotos e vídeos, não é para qualquer pessoa. Então pra mim se expressar dessa forma é uma arte. 

O que as pessoas podem encontrar em seu conteúdo? 

Acho que já dei um puta de um spoiler ali em cima, né? Hahaha.  Mas é sempre bom reforçar.  No meu Onlyfans vocês irão encontrar desde fotos dos meus pézinhos até fotos que faço em casa, fotos dos meus ensaios profissionais e vídeos exclusivos que não posto em nenhum outro lugar.

Aposto que você deve ter sofrido muitos preconceitos, como você lida com isso e o que acredita que precisa mudar? 

Sim, acho que todo mundo que trabalha nesse mercado acaba passando por isso ao menos uma vez. Mas nunca foi algo que me incomodou. Sempre ignorei qualquer coisa que não acrescentasse nada na minha vida. Para mim não é difícil ignorar essas coisas. 

Muita coisa precisa mudar ainda. Se as pessoas simplesmente respeitassem o espaço e escolha dos outros, o mundo seria um lugar muito melhor. Principalmente quanto as mulheres. Falta muuuito ainda.

E como é sua vida fora do trabalho, você enfrenta muitos dilemas? 

Sim! Mais dilemas do que eu gostaria! Estou sempre preocupada ou tensa achando que eu não aproveito direito a vida. 

Qual é sua ligação com seus seguidores? Eles são atenciosos? 

São muito atenciosos comigo, me deixam até mal-acostumada!  Enviam mensagens para ver como estou, dão todo apoio no meu trabalho, me enviam presentinhos… 

Vários dos meus seguidores se tornaram meus amigos de verdade, que vou levar para a vida. 

O que você não suporta presenciar trabalhando nesse meio? 

Não gosto de ver pessoas falando de forma negativa sobre o trabalho de outras pessoas. Alguns não entendem que estamos nadando num oceano azul, tem espaço para todo mundo. Não suporto ver competição onde poderia existir cooperação. 

Aposto que no meio você deve conhecer muita gente legal. Quem são suas inspirações?

Minhas amigas Jacqueline (@jacqueline.faccio) e Jeh Suicide (@jedgoddess_sg) ♥  São referências pra mim nesse meio. 

Gosto muito da Britanya Ravazi  (@imbrittanya) também, acho impressionante como ela consegue bater palma com a bunda haha.

O que gosta de fazer nas horas vagas? 

Eu gosto de ouvir música, assistir série, comer, pintar meus quadros, passar tempo com meus gatinhos… vários entre isso. 

Uma música que transpira tesão em sua vida? 

Black No.1 Type O Negative

Qual é o caminho para conquistar você? 

Música e chocolates. 

Qual dica você daria para alguém que pretende ser sexworker?

Vem conhecer a Nast! Eu tenho uma agência de modelos alternativas, onde ensino como vender conteúdos na internet. https://www.instagram.com/nastagencia/ 

Chegou a hora! Abra seu coração e deixe um recado para nossos leitores e seus fãs.

Primeiramente muito obrigada pelo convite! Eu amei bater um papo com vocês. Espero que todos curtam também.  Para quem quiser continuar essa conversa, vocês sabem onde me encontrar. Espero por vocês! ♥

Muitos beijos!

Gostou do post? Conte nos comentários o que você deseja ver no Suspiro e não se esqueça de nos seguir nas redes sociais: 

Deixe seu comentário

Posts relacionados