Subscribe Now
Trending News
Acompanhantes

Feffis: “Eu consegui mudar muito minha vida”

Feffis

Feffis é um caminho sem volta para um oceano de imensuráveis sensações. Presencie um olhar instigante que reflete o encontro da sintonia perfeita para ares inesquecíveis. 

Com um foco imensurável, cedeu parte do seu tempo corrido para batermos um gostoso papo sobre seus passos de acompanhante e a nova visão que deseja estabelecer com cuidado e harmonia. 

Feffis

Feffis
Feffis

Para começar nossa conversa, conte um pouco sobre você para aqueles que não a conhecem.

Sou Fernanda, mais conhecida como Feffis. Desde 2019 eu trabalho como criadora de conteúdo adulto e camgirl e há dois anos como acompanhante.

Já tinha em mente que queria trabalhar como acompanhante ou simplesmente aconteceu?

Não tinha em mente trabalhar com cammimg, tampouco como acompanhante. Mas durante a vivência eu resolvi ampliar meu leque de ganhos e decidi atender presencialmente, já que também tinham pessoas querendo me conhecer. Então uni o útil ao agradável.

Feffis
Feffis

Poderia nos contar como foi o seu primeiro atendimento? Estava nervosa ou tirou de letra?

Eu estava bem. Pra mim foi como um date com alguém do Tinder. E meu primeiro cliente já consumia meus conteúdos virtuais, então era alguém que eu já conhecia de alguma forma.

O seu trabalho causou grandes mudanças na sua vida com relação a crenças, sentimentos e personalidade?

Sim! Acho que sempre muda. Principalmente por não ser um trabalho tão aceitável, então ainda há muitas questões que me fazem pensar em como meu trabalho influencia na minha vida. Porém, é um trabalho que ainda que seja cercado de estigmas, me trouxe muitas coisas boas e amadurecimento também.

Feffis
Feffis

Sobre as fantasias. Algum cliente já te pediu para satisfazer alguma fantasia sexual que realmente você gostou muito em realizar? E teve uma que foi a pior e por quê?

Sim! Já fiz um role play com um cliente que é fissurado numa amiga minha. Ela infelizmente não pôde estar junto, mas fazia parte da história! Foi legal! Pior não. Eu praticamente não tive dates ruins.

E você, já teve a oportunidade de realizar todas as suas fantasias? Tem alguma faltando que queira compartilhar conosco?

Não realizei ainda não, mas tenho muita fantasia em transar com 3 policiais de farda preta numa rua deserta após ser abordada. 🤭🤭🤭

Feffis

Acredita que hoje as pessoas estão mais soltas a querer satisfazer suas fantasias ou ainda tem muito tabu sobre esse assunto?

Tem muito tabu ainda. Até dentro da própria profissão há profissionais conservadoras. O sexo, práticas sexuais, pornografia etc. São coisas que precisam de muito debate ainda. Mas as pessoas não estão dispostas, só lhes convém um ponto de vista sobre o assunto e geralmente esse é passado por pessoas preconceituosas e/ou fora da realidade de quem vive.

Quanto aos orgasmos, é possível atingir orgasmos durante um encontro?

8 – Sim, porém depende. Depende da outra pessoa também estar em conexão comigo. Tem caras que só se satisfazem se me virem satisfeita e plena. Mas também infelizmente tem uns caras que realmente não se importam se a mulher gozou ou forçam um “orgasmo”, geralmente falso, pra satisfazer sua própria autoestima.

Feffis
Feffis

Sua agenda de trabalho é bem agitada? Existe alguém ou uma equipe que te auxilia a organizar todos os compromissos?

Sim! É bem agitada e eu sempre cuidei sozinha dos agendamentos. Às vezes eu me enrolo e acabo priorizando certas mensagens, mas depois consigo atender todo mundo direitinho.

Além de acompanhante, você produz conteúdos poderosos e intensos para suas plataformas. Como consegue equilibrar os dois caminhos e de ontem vem tantas boas ideias?

Então, na parte dos conteúdos eu tenho o auxílio de uma assessoria. Pois é a parte mais trabalhosa, por possuir vários processos: Criar – Produzir – Editar – Postar. Além disso tem toda a divulgação que precisa ter para as pessoas conhecerem seu conteúdo, então realmente preciso de ajuda. As ideias vêm a partir de referências e do meu próprio tesão.

Feffis
Feffis

Sobre sua sensualidade. O que é sensualidade para você e o que te faz suspirar?

Acho que sensualidade pode ser algo particular. Existem N formas de expressar sensualidade, no meu pontinho de vista. A forma que eu sorrio, mesmo não senso intencional, é sensual. Algo que escuto com frequência. Pode ser o olhar, forma de andar, vestir, falar, dançar, alguma parte do corpo, enfim.

Homens e mulheres, há alguma preferência ou ambos te satisfazem? Qual o perfil dos seus clientes? Atende casais também?

Eu sou bissexual, mas tenho preferência por homens, até porque minha vivência de relacionamento foi somente com homens. A maior parte dos meus clientes são homens hétero normativos e de 25 a 60 anos. Nunca atendi nenhuma mulher, mas já procuraram. Mas eu atendo casais também, apesar de não serem muitos.

Os clientes te tratam bem, sendo atenciosos e delicados?

Sim! Me tratam muito bem e inclusive melhor que muito cara que não paga pra estar com uma mulher. Eles são gentis e atenciosos. Percebo que muito estão ali não só pra satisfação sexual, mas pessoal, de poder estar com alguém que seja uma boa companhia e eu sou! Por isso tenho ótimos dates.

Já houve alguma vez que algo aconteceu para você querer desistir e ir embora de um encontro? O que você não tolera neste meio?

Nunca aconteceu nada do tipo. Mas não tolero agressividade, grosseria, preconceito e insistência por coisas e práticas que não faço no trabalho.

Existe alguma história no seu trabalho que marcou a sua vida? Poderia falar um pouco?

Sim! Quando fui impedida pela síndica e porteiro de um prédio de subir até o apto do cliente. Meu cliente desceu pra me buscar e a síndica ainda assim não permitiu e nos deixou trancados por fora e ameaçou chamar a polícia. Disse que ele não tinha permissão para receber visitas, por estar hospedado temporariamente.

Já foi vítima de preconceito por conta da sua profissão? Como você lida com isso? E o que você acredita que precisa mudar?

Sim, todo dia né? Eu sigo fazendo meu trabalho normalmente e sempre me cuidando e me preservando. Não é uma profissão ilegal e com ela eu pude mudar muito minha vida. Eu tento o máximo possível impor respeito de forma informativa também e uso minhas redes sociais pra isso.

Precisa mudar muita coisa. Quando você analisa a situação ao todo, percebe que o buraco é muito mais embaixo. Então teríamos que falar sobre fatos históricos, religião, patriarcado, feminismo, sexo e sexualidade, enfim.

Você tem algum dilema na sua vida, quanto à sua profissão?

Tenho vários. Estou lendo um livro de uma colega de profissão chamado PUTAFEMINISTA e tenho pensado muito sobre várias questões que tinha muito bem definida na minha mente.

Sobre as redes sociais e plataformas, qual é sua ligação com seus seguidores? Eles são legais com você?

Eu adoro usar minhas redes sociais pra me comunicar com eles! Atualmente uso mais o Instagram, mas me mantenho ativa no Twitter, Telegram e TikTok. Produzo conteúdo pra todas elas. Meus seguidores em maioria são muito queridos e safados também…rs

Se alguém me desrespeita, eu retiro imediatamente.

O que gosta de fazer nas horas vagas?

Gosto de fumar um baseado relaxando na praia. Amo praia e calor. Mas amo ficar em casa e tomar um vinhozinho. E gosto de sair pra dançar!

Qual música não pode faltar na sua playlist de sexo?

Xxxplosive – Dr Dree. Eu amo ouvir funk, trap, hiphop e R&B pra transar.

Qual é o caminho para o seu coração? Ou ele é blindado?

O caminho pro meu coração tem se tornado mais difícil, mas não impossível. Não vou facilitar falando, mas não sou uma pessoa complicada. Quem se dedica em me conhecer vai saber o que fazer.

Qual dica você daria para alguém que pretende ser acompanhante?

Para a menina que deseja ser acompanhante, eu indico primeiramente gostar de sexo e ser mente aberta com relação a isso. Além de investir num bom ensaio, em bons sites e em redes sociais para se divulgar. Criar uma boa relação com clientes e parceiros de trabalhos também.

Agradecemos muito a sua participação no Suspiro, em poder compartilhar com a gente um pouco da sua vida e seu trabalho. Deixe aqui um recado para nossos leitores e seus fãs, abra o seu coração.

Depois de tanto tempo, finalmente pude dar uma passada aqui e falar um pouquinho de mim! Espero que tenham gostado, pois pra mim foi um prazer também! Se quiserem me acompanhar, me sigam nas redes sociais. 🙂

Um beijo, amores! 😚

Deixe seu comentário

Posts relacionados